Semana de Museus terá início nesta segunda-feira (14) na Estância

Centro de Exposições e História do município realiza diversas atividades gratuitas sob o tema “50 anos de 1968”, ano de grandes transformações no País e no mundo

 

A Prefeitura da Estância Turística de Ribeirão Pires, por meio do CEH – Centro de Exposições e História “Ricardo Nardelli”, promove a partir do dia 14 de maio diversas atividades gratuitas durante a 16ª Semana Nacional de Museus – “Museus Hiperconectados – Novas Abordagens, Novos Públicos”.

 

Para a programação deste ano, Ribeirão Pires trabalhará a temática “50 anos de 1968”, período de importantes transformações para o Brasil e o mundo. O contexto da época no País era o Regime Militar, o decreto do AI5 – Ato Institucional nº 5, a ascendência da Tropicália e a Marcha dos 100 contra a ditadura, com a mobilização dos jovens nas artes e na política. No mundo, o contexto era a Guerra Fria entre países de sistemas capitalista e socialista, o assassinato de Martin Luther King, a mobilização política dos jovens na Primavera de Praga contra o comunismo e a Greve de Maio, na França, entre outros acontecimentos.

 

Na segunda-feira, dia 14, às 19h, na sede do CEH (Rua Miguel Prisco, 286 – Centro), será realizada a audição coletiva e debate sobre as principais canções do icônico LP White Álbum, dos Beatles. Lançado em 22 de novembro 1968, o álbum parece ter conseguido sintetizar o conturbado ano de 68. Estão disponíveis 15 vagas para o evento e as inscrições podem ser feitas no site www.ceh-rp.site – até o dia 14 de maio.

www.ceh-rp.site
O CEH Ricardo Nardelli é um espaço de exposições, cursos, pesquisa e preservação da memória de Ribeirão Pires.

 

 

No dia 16 de maio, quarta-feira, às 14h, no Anfiteatro Arquimedes Ribeiro (R. Diamantino de Oliveira, 220– Jd. Pastoril), será realizada a performance “Cidades Hiperconectadas: Onde existimos?”, com 200 lugares disponíveis. Em seguida, às 15h, acontece a palestra “50 anos de Guerra e Paz na Aldeia Global”, que abordará os principais pontos da importante obra do escritor Marshall McLuhan. O autor cravou o termo “aldeia global”, em 1968, para definir o que viria a ser a internet, inventada e utilizada como experiência laboratorial somente em 1969. Para McLuhan, essa nova tecnologia seria capaz de provocar mais descontinuidades, diversidades e divisões do que em outras épocas da nossa sociedade.

 

A programação da 16ª Semana Nacional de Museus, em Ribeirão Pires, continua no dia 17 de maio, quinta-feira. A partir das 14h, o renomado Grupo Tefel (Teatro Felício Laurito), reúne antigos membros no evento “50 anos do Grupo Tefel”. A atividade será realizada no Anfiteatro Arquimedes Ribeiro (R. Diamantino de Oliveira, 220 – Jd. Pastoril) – com 200 lugares disponíveis.

 

O reencontro será marcado pelas presenças de Antônio Ângelo Orlando, Cecília Ribeiro, Ednaldo Freire, Isaías Gomes, José Camargo, José Hélio Freire, Mário Camargo e Vera Camargo, todos ex-integrantes do emblemático e mais importante grupo teatral de Ribeirão Pires, fundado em 1968, durante a Ditadura Militar, por estudantes secundaristas do Ginásio Dr. Felício Laurito.

No dia 19 de maio, sábado, às 15h, será realizado o evento “50 anos de Romeu e Julieta, de Franco Zefirelli”, no Centro de Exposições e História “Ricardo Nardelli”, (Rua Miguel Prisco, 286 – Centro). O filme é até hoje considerado a melhor adaptação da tragédia de Shakespeare para o cinema. Durante a atividade será realizada a audição da trilha sonora do filme, em LP mono, seguida pela exibição do filme. Estão disponíveis 15 vagas para a atividade, e as inscrições devem ser feitas pelo site www.ceh-rp.site.

 

A programação completa está disponível no site da Prefeitura de Ribeirão Pires (www.ribeiraopires.sp.gov.br), pelo site do CEH (www.ceh-rp.site) e na página oficial da Prefeitura no Facebook. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 4828-9049.

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *