Leandro Hassum apresenta a primeira edição do Festival de Comédia Brasileira nos Estados Unidos

Evento idealizado pela BIS Entertainment será realizado nos dias 12, 18 e 19 de agosto, em Miami, Boston e Orlando

Três brasileiros se preparam para entrar em ação e fazer a comunidade brasileira rolar de rir no I Festival Anual de Comédia Brasileira, idealizado pela Bis Entertainment, produtora pioneira em levar grandes espetáculos brasileiros para solo americano. Os shows acontecerão nos dias 12, 18 e 19 de agosto, respectivamente em Miami, Boston e Orlando, sob o comando do ator e humorista Leandro Hassum, o Jorginho dos humorísticos Zorra Total e Os Caras de Pau e hilário protagonista do filme Até que a sorte nos separe.

Mateus Rodrigues Pereira, Fabio Souza Lima e Andre Luiz Ferreira são os vencedores do concurso promovido pela Bis Entertainment, voltado ao Festival, cujo foco foi revelar os talentos espalhados pelos quatro cantos dos Estados Unidos. Os ganhadores produziram vídeos com suas performances e Hassum fez parte do júri que elegeu as três melhores apresentações do Festival. Eles vão encarar o desafio de se apresentar ao lado de Leandro Hassum e do também ator e comediante Paulinho Serra, que fará participação especial no evento. Além de marcar presença nos humorísticos do canal Multishow, Paulinho Serra acabou de mostrar seu dotes culinários como participante do Super Chef, no programa Mais Você, de Ana Maria Braga.

Participaram da seleção humoristas brasileiros maiores de 18 anos e residentes nos EUA, comediantes amadores ou profissionais, atores e atrizes. Os nomes dos ganhadores foram divulgados pelo site e redes sociais da Bis Entertainment, no dia 10 de julho. A duração da apresentação de cada humorista será de aproximadamente 20 minutos no palco. E a cada edição, o festival contará com apresentadores diferentes.

Priscila Triska, CEO da BIS Entertainment e idealizadora do projeto, ressalta que “a ideia da BIS é revelar esses talentos, que poderão continuar contribuindo com o entretenimento de qualidade para a comunidade, fazendo shows em suas respectivas cidades. Quero levar o Festival para mais cidades a cada ano”, esclareceu. “Sempre quis fazer algo diferente em relação à comédia brasileira e então pensei em explorar o talento dos brasileiros que moram aqui”, concluiu.

Para Leandro Hassum, o Festival de Comédia é “bacana” justamente por revelar novos talentos, desconhecidos do grande público, mas que tenham boa trajetória. “Alguns que nem estejam trabalhando na área, às vezes por falta de oportunidade. Acaba abrindo espaço para que a pessoa realize seu sonho, se apresente em shows e apresentações individuais”.

 

Conheça os talentos do I Festival Anual de Comédia Brasileira

Mateus Rodrigues Pereira é empreendedor digital, morava em Imperatriz (MA), e há dois anos vive em Marlborough (Massachusetts). Ele conta que sua primeira apresentação aconteceu num simpósio da faculdade, o suficiente, segundo ele, para despertar a paixão pelo humor. A partir de então, ele criou um canal e passou a produzir vídeos para a rede social YouTube.

Pouco tempo depois, Mateus teve a oportunidade de participar de um evento de humor no shopping da sua cidade, no Maranhão, produzido por uma fundação cultural para divulgar o vencedor de um concurso realizado pela entidade. O detalhe é que ele não participou desse concurso, por medo. Foi o último a se apresentar, o que permitiu ao dono de um pub, instalado no mesmo shopping, assistí-lo e testemunhar a reação positiva da plateia, culminando na assinatura do seu primeiro contrato de trabalho no local, por três meses.

Dentre outros shows dos quais participou depois desse primeiro contrato, Mateus lembra que, próximo da data em que teria de embarcar para os EUA, atuou num grande evento de Stand-Up Comedy em sua cidade. Ele descreve como “inexplicável” a sensação de contar uma piada e ser aplaudido e conta os dias para mostrar seu talento. “A expectativa para o festival é enorme, além de ser um grande passo na carreira, é uma responsabilidade enorme. Vou representar minha cidade no Brasil e meu estado aqui nos EUA, tem muita gente que me apóia e está torcendo por mim, não quero desapontá-los”, expressou.

Já o publicitário Fabio Souza Lima morava em Campinas (SP) e há dois anos vive em Palm Harbor (Flórida) junto da esposa e da filha de seis anos. Ele conta que trabalhou como redator e roteirista publicitário no Brasil e que nos EUA já fez de tudo um pouco, entre lavar pratos, vender materiais de escritório e seguro saúde, além de atuar como motorista do Uber. Atualmente, é consultor de serviços numa concessionária da Mercedes-Benz.

 

Fábio explica que faz Stand-Up Comedy desde 2008, tendo se apresentado em vários lugares e canais de TV. Fez parte do elenco fixo do Seleção do Humor Stand-Up, espetáculo visto por mais de 500 mil pessoas, cuja estreia em São Paulo, no Teatro Folha, ocorreu em 2008 e ainda permanece em cartaz.

Entre apresentações em outros espetáculos como Risadaria e Curitiba Comedy Club, também gravou participações em talk-shows, trabalhou num programa de humor numa emissora de rádio, em Campinas, entre outras atuações. “Minha expectativa para o festival é a melhor possível. Só de poder compartilhar o palco com os monstros Leandro Hassum e o Paulinho Serra, já me sinto abençoado!”, revelou. Especificamente para o festival, Fabio diz que está preparando um material quase todo inspirado em suas experiências nos EUA, o que, em sua opinião, fará com que o público se identifique bastante.

O ator e comediante André Luiz Ferreira carrega na bagagem oito prêmios conquistados nos EUA, onde protagonizou espetáculos que foram sucesso de bilheteria. Também atuou no pocket-show do matuto, em Minas Gerais. Ele conta que em 2001, depois de gravar seu primeiro CD de piadas, Dedos de Prosa, partiu para os Estados Unidos, gravando lá um comercial para a TV Globo Internacional, caracterizado como o personagem Sô Zé, o que o tornou famoso como o caipira mais conhecido da América.

Montou espetáculos, viajando para Massachusetts, Connecticut, Flórida, Pensilvânia, Nova Jersey, Nova York, Geórgia, Carolina do Sul e do Norte. Ainda nos EUA, gravou seu primeiro DVD, As proibidas do Sô Zé, em 2007 e atuou em peças de teatro, contracenando com atores como Luis Salem e Marcelo Faustini.

E foi ao longo dessa trajetória que ele conquistou, entre outros prêmios, o Press Award (Flórida), em 2007 e 2008, pela performance nos espetáculos Farewell tour do Sô Zé, Dedos de Prosa e As Proibidas do Sô Zé. No mesmo período, recebeu o Brazilian Award (New York), como personalidade da mídia TV Globo Internacional. Ele vivia em Ipatinga (MG), morou por setes anos nos EUA, voltou ao Brasil, agora vive há um ano em Orlando (Flórida).

Inspirado, dentre outros atores e humoristas, em Mazzaropi e Nerson da Capitinga, ele destaca: “égratificante poder mostrar o meu trabalho e estar ao lado deste fenômeno do humor que é Leandro Hassun. As minhas expectativas são as melhores e estou muito feliz por ter sido escolhido para participar deste festival”. André Luiz Ferreira é casado, tem três filhos e quatro netos

Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *