Dia do Sertanejo é comemorado na Câmara Municipal de Mauá

Na última quinta-feira (03/05), foi comemorado na Câmara Municipal de Mauá,  o Dia do Sertanejo. O projeto, foi uma iniciativa do Clube dos Cavaleiros de Mauá, que sugeriram ao vereador Jotão, autor do projeto, para que fizesse uma lei com o objetivo de resgatar as raízes e tradições do mundo sertanejo. “..E foi assim que fizemos esse projeto que teve o apoio do Prefeito Àtila Jacomussi e virou a Lei Municipal 5230/17, com o objetivo de incluir a data  no calendário oficial de eventos, para que possamos incentivar todo aquele que gosta da vida sertaneja a continuar passando essa tradição, de geração a geração”, disse Jotão durante a cerimônia.

No decorrer da noite, que foi comemorada com muita música e teve até toque de berrante, houve diversas homenagens. Um dos homenageados, foi o ex-prefeito da cidade Leonel Damo, que ao lado de suas filhas Vanessa Damo e Vanelli Damo, foi homenageado por manter hábitos sertanejos. “Todos os domingos podemos encontrar esse homem montado em seu fiel companheiro dando uma volta na cidade”, lembrou Marcelo Pinto, presidente do Clube dos Cavaleiros de Mauá.
Outro homenageado da noite foi o senhor Francisco Viola, que desde pequeno trabalha na lida com cavalos e passou esse conhecimento para filhos, netos e sobrinhos, que seguem seus passos e seu amor pelos animais, mantendo a tradição familiar.
Um dos momentos de grande comoção do evento foi a homenagem prestada  ao senhor Sebastião Gomes de Oliveira – o Tião Ferreiro (in memorian), que foi lembrado por toda dedicação e amor que tinha por sua profissão, pelos cavalos, pela vida simples e por uma boa moda de viola. Além da Casa de Leis, seus netos fizeram uma linda homenagem lendo um texto que escreveram para o avô, que deixou a todos emocionados. “Fica até dificil dizer alguma coisa depois dessa linda homenagem feita de coração. Mas temos que continuar e lembrar que temos que seguir o exemplo desse homem tão querido, não esquecer nossas raízes e cultura do mundo sertanejo”, disse emocionado o mestre de cerimônia Evandro Clóvis, que é um dos precursores do projeto na região.
Para fechar a noite com chave de ouro, a dupla Julinho e Jannel, que também foi homenageada por levar a música sertaneja para os quatro cantos do País, tocou durante o evento diversas modas de viola e fez o público se emocionar relembrando vários sucessos. Quem também deu uma palhinha foi o cantor Erivelton Modesto, que cantou lindamente e deixou a todos com gostinho de quero mais.
Pin It

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *